Cinco passos para modificar comportamento de colaboradores focado em resultado – Por Márcia Luz

A inflação está em alta, mas o desemprego em baixa, embora o surgimento de novas vagas no Brasil caminhe em marcha lenta. Ainda assim, é possível dizer que inserir-se no mercado de trabalho não é hoje a tarefa mais difícil, porém, manter-se empregado tem sido uma daquelas questões de tirar o sono dos profissionais.

As exigências tomaram tal proporção que, somente um currículo “invejável” pode garantir a contratação, mas nem de longe assegura a estabilidade de um trabalhador. Depois de ser aceito em uma empresa, o profissional é constantemente analisado, pois muitas vezes seu comportamento pode não estar alinhado com suas competências e muito menos com os valores da companhia. E se comportamento inadequado somar-se a baixo desempenho, o resultado é certo: desligamento.

Por isso, cada vez mais os departamentos de Gestão de RH, Gestão de Pessoas, Gente, entres tantos nomes que essa área recebe, têm se voltado a desenvolver ferramentas que possam medir e investigar o impacto que indivíduos, grupos e a estrutura da própria organização têm sobre o desempenho das empresas.

Nesse sentido, uma das atribuições mais importantes, pois gera indicadores no geral positivos, é a de um um líder transformador. A ele cabe analisar, pensar sobre e atuar para transformar comportamentos e atitudes, ou seja, um conjunto de ações de extrema importância para uma companhia. No entanto, atarefa tem alto grau de dificuldade, requer atenção e necessita de alguns cuidados para que seja adequada e proveitosa, tanto para o subordinado, quanto para o seu superior.

Por isso, algumas dicas podem fazer a diferença ao líder:

1. Dê feedback positivo
“As críticas nos fortalecem”. Sim, estamos cansados de saber e ouvir isso, mas quem não gosta de ser elogiado? Tecer comentários positivos a alguém também é uma forma de motivação.

2. Faça perguntas cuidadosamente orientadas
Fique atento para o momento e a forma como fará determinadas perguntas, pois elas podem ser interpretadas de outra maneira, o que pode prejudicar o trabalho como um todo. Perguntar é muito diferente de afirmar, Lembre-se disso, sempre!

3. Diga claramente qual é a mudança é necessária
Se for para corrigir ou alinhar alguma tarefa ou comportamento, nada melhor do que uma conversa a dois, particular, que comece por ressaltar os pontos fortes e termine com a clareza sobre o que é preciso alterar. Se uma mudança precisa ser feita para que o resultado seja atingido, ela tem que acontecer o quanto antes; por isso, é importante ser transparente e objetivo nesse momento.

4. Aplique a disciplina apropriada
Quando somos condicionados a fazer algo, nos adaptamos aquilo e dificilmente faremos de outra forma. Por isso, a aprendizagem por parte dos colaboradores tem que ser adequada e contínua de tal modo que eles saibam como agir nas mais diversas situações.

5. Seja acessível, mas estabeleça limites
Aquela imagem de líder sério, que pouco convive com seus empregados, foi deixada para trás faz tempo, mas ainda temos alguns exemplos do tipo no dia a dia das empresas. Por outro lado, os líderes sociáveis demais podem ser mal interpretados, colocando até suas competências a prova. O caminho do meio – que significa estabelecer o diálogo funcional – embora mais difícil, é a melhor opção a quem deseja estabelecer na empresa uma liderança transformadora com foco em resultado.

*Marcia Luz, autora do livro Agora É Pra Valer – A verdadeira história de quem passou de chefe dos outros a líder de si mesmo, é psicóloga, pós-graduada em Administração de Recursos Humanos, especializada em Gestalt-terapia. Também atua como coach executiva e pessoal formada pelo ICI (Integrated Coaching Institute), com curso certificado pelo ICF (International Coaching Federation). É Sócia-presidente da Plenitude Soluções Empresariais Ltda.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s